Capa  |  Memória  |  Estatuto (PDF)  |  Diretoria  |  Oficinas de sócios  |  Notícias  |  Fotos  | Sócios  |  Associe-se       

Notícias

Aimée Bolaños é escolhida patrona da 45° Feira do Livro da FURG

AGES - Associação Gaúcha de Escritores

A ensaísta, poeta, ficcionista e professora universitária, Aimée Bolaños, é a patrona da 45° Feira do Livro da FURG, que será realizada de 25 de janeiro a 4 de fevereiro, na Praça Dídio Duhá, no balneário Cassino. A escolha foi oficializada na sexta-feira, 8, pela reitora Cleuza Dias. O tema da Feira deste ano será “Histórias de Mulheres”.

Aimée Bolanõs, 74 anos, é natural do município de Cienfuegos, em Cuba. Está no Brasil desde 1997. “Há muitos anos acompanho a Feira do Livro, mas, agora, será diferente. Eu sou uma cubana-brasileira. Aproveito para agradecer os 20 anos de FURG. Sinto-me muito integrada desde o primeiro momento. Estou aposentada, mas continuo trabalhando. Uma experiência de engrandecimento, muito rica e positiva para mim. Estou muito feliz”, referiu-se ao convite, emocionada.

Aimée possui pós-doutorado em Literatura Comparada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Em seu trabalho tem enfoque a temática feminina, através da poesia contemporânea, da literatura latino-americana, literatura cubana da diáspora e teoria literária. Na oportunidade, a escritora entregou à reitora uma de suas obras: “Oficio de lectora”, escrito em espanhol e português. Só pela Editora e Gráfica da FURG (EDGRAF), possui seis livros publicados. Entre os principais, estão: “Pensar la narrativa” e “El Libro de Maat”.

A reitora, Cleuza Dias, reiterou a importância da Feira do Livro da FURG e do tema proposto em 2018. “Consideramos a Feira do Livro um momento importante. É uma das ações de extensão e cultura de maior impacto para a universidade e a comunidade. Ainda mais com a temática, com foco nas mulheres, nas suas histórias, fundamental para discussão na sociedade”, enfatizou.

Segundo o pró-reitor de Extensão e Cultura, Daniel Prado, o espaço da Feira propõe não só o lazer, mas também o debate. “É lugar para reverberar alguns temas importantes como o da mulher, também espaço para fruição, de exaltação ao objeto social e cultural que é o livro e às trocas que surgem a partir dele. Além de ser uma oportunidade de divulgação para escritores e artistas”, disse.

A 45° Feira do Livro contará com mais de 20 bancas de livreiros. Um dos destaques deste ano é o esforço para tornar a infraestrutura mais acessível para pessoas com necessidades específicas. “Como compromisso, queremos tornar a cada ano a nossa Feira do Livro mais acessível”, finalizou o pró-reitor.

No anúncio, também estavam presentes o vice-reitor, Danilo Giroldo, pró-reitor de graduação (Prograd), Renato Dias, o pró-reitor de Pesquisa e Pós-graduação, Eduardo Secchi, o pró-reitor de Infraestrutura (Proinfra), Marcos Amarante, a pró-reitora de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas (Progep), Lúcia Anello, a pró-reitora de Assuntos Estudantis (Prae), Daiane Gautério, a chefe de gabinete, Denise Varella Martinez e a diretora de Arte e Cultura da Proexc, Débora Amaral.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação/FURG


Site elaborado pela metamorfose agência digital - sites para escritores