Capa  |  Memória  |  Estatuto (PDF)  |  Diretoria  |  Oficinas de sócios  |  Notícias  |  Fotos  | Sócios  |  Associe-se       

Notícias

Sport Club Literatura estreia com duas partidas no StudioClio

Ana Mello

Projetos que envolvem futebol e literatura são cada vez mais comuns e apreciados pelos leitores. Desde 2007, a Copa de Literatura Brasileira, inspirada no Tournament of books, realiza jogos entre livros de narrativa longa. No ano passado, o Gauchão de Literatura também colocou no centro do gramado livros de contos de autores gaúchos ou radicados no Rio Grande do Sul.

Neste mês, o StudioClio também se tornará uma arena desportivo-literária. Após sediar a final do Gauchão em dezembro do ano passado, o instituto passa a receber as partidas do Sport Club Literatura. A estreia acontece no dia 21 de junho, terça-feira, às 19h30min.

Diferente de seus parceiros virtuais, os jogos do Sport Club Literatura são ao vivo, transmitidos diretamente do palco por dois juízes convidados e o mediador da partida. A cada edição, duas partidas movimentam as torcidas: um jogo histórico denominado Coliseu (com clássicos e épicos da literatura) e uma pelada chamada Com-ca vs. Sem-ca (com jogos mais alternativos, modernos, com ou sem critérios). A missão dos resenhistas é apresentar, avaliar e confrontar diferentes obras da literatura universal.

No primeiro dia de embates, Orgulho e Preconceito (Pride and Prejudice, 1813), de Jane Austen (1775-1817), enfrenta Middlemarch (1874), de George Eliot (1819-1880), pela série Coliseu. Milton Ribeiro e Joana Bosak apitam a partida.

Para a pelada, entram em campo 2666 (2004), de Roberto Bolaño (1953-2003) e Liberdade (Freedom, 2010), de Jonathan Franzen (1959). Antônio Xerxenesky e Carlos André Moreira são os juízes convocados para este jogo.

Os ingressos custam R$ 5 (coreia), R$ 10 (arquibancada), R$ 15 (social) e R$ 20 (camarote) e podem ser adquiridos pela página www.studioclio.com.br. Mais informações pelo telefone (51) 3254-7200 ou no local (Rua José do Patrocínio, 698 – Cidade Baixa).

A coordenação do Sport Club Literatura é do StudioClio e do Estúdio de Conteúdo. Os jogos acontecem uma vez por mês até dezembro de 2011.

Currículos dos juízes:

Antônio Xerxenesky
É autor do romance Areia nos dentes (Não Editora, 2008 / Rocco, 2010). Um dos criadores da Não Editora, é responsável pela revista de crítica literária Cadernos de Não-Ficção.

Carlos André Moreira
Repórter cultural e crítico literário do jornal Zero Hora. É também tradutor e escritor. Já publicou contos em antologias e o romance Tudo o que fizemos (Leitura XXI, 2009).

Joana Bosak de Figueiredo
Mestre em História e Doutora em Literatura Comparada (UFRGS). Foi professora no departamento de História da UFRGS em 2000-2001. Realizou estágio na Universitat de Barcelona e defendeu tese em abril de 2006 sobre o gaúcho como fenômeno reposto do regionalismo, partindo de dois autores: Barbosa Lessa e Ricardo Güiraldes.

Milton Ribeiro
Jornalista, escritor e crítico literário. Participou do desenvolvimento de vários sites de notícias, e desde 2003 escreve para veículos da Internet e editoras.


 

 

Fonte: Lu Thomé


Site elaborado pela metamorfose agência digital - sites para escritores